Ajuruteua

Ajuruteua

domingo, 22 de agosto de 2010

ALCYR GUIMARÃES - O POETA


FALA-ME!

Que tal me falares muitamente de tí.
Quem sabe! Alguns desafios, procuras e medos.
Quando o que me trazes , seja tudo "per-si".
Como os teus , mais íntimos e velados segredos.

Eu preciso saber de teus sonhos.
Onde dormirá tua alma?
Eu te coloco no colo.
não te acordo ! Apenas te isolo.
De algum delito infeliz ou tristonho.
E te empresto toda a minha calma.

Não desejo e nem devo, revelar nada de mim.
pois meus pecados são fartos e imensos.
e são tão meus, que ainda serão somente meus.
e perdoar-me? Quem sabe apenas Deus !
Hoje ! Me proíbo de te contar o que imaginei enfim.
Ou o que fizemos eu e tu ontem a noite, em meus pensamentos.

A.G.

Sobre o autor:
Alcyr Guimarães Sequeira (Belém, 29 de agosto de 1951) é um médico, cantor,instrumentista, compositor e professor brasileiro.
Toca vários instrumentos musicais, tais como viola, violão, teclado e cavaquinho. Leciona na Universidade Federal do Pará e é pesquisador da Organização Mundial da Saúde (Projeto Mefloquina).

DIZ LÍGIA SAAVEDRA:

Esta é a definição fria da Wikipédia, mas meu amigo e irmão Alcyr é muito mais que isso.
Todos os que o conhecem só tecem mil elogios ao bom homem, ao pai apaixonado,a sua generosidade, a sua humildade, a sua belíssima música, a sua maravilhosa poesia, a sua facilidade e competência em compor uma valsa, um bolero, um samba, um carimbó ou até mesmo uma salsa.

Alguns dizem que ele é um anjo reencarnado e às vezes creio que sim.

Esta semana Alcyr aniversaria e deixo aqui adiantado o meu “Parabéns Prá Você!” amigo querido.
Te amo!

Um comentário:

COPIE E LEVE COM VOCÊ O NOSSO BLOG E A COR DO AÇAÍ.

BannerFans.com

Recado

Paixaoeamor.com