Ajuruteua

Ajuruteua

domingo, 29 de agosto de 2010

A EVOLUÇÃO DA PRIMAVERA





Desabrocho em versos – a miragem

Antecipando a florescência poética – a quimera

De uma vida - quase perfeita

Contando sementes de emoção espalhadas – à toa

Por força da sensibilidade – a tristeza

E da natureza – a beleza

Faço brotar - anjos

Imaginação, fantasia e sonho – o poema


Incito a criação – a ilusão
O momento de semear – a esperança
A época de florir – a perspectiva
O tempo de poetar – o pensamento
O tempo passa
Enfrutece-me a alma
Enriquece-me a posteridade
E germina arte.


LÍGIA SAAVEDRA

Publicado no Overmundo em 18.12.2007

Imagem da WEB

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COPIE E LEVE COM VOCÊ O NOSSO BLOG E A COR DO AÇAÍ.

BannerFans.com

Recado

Paixaoeamor.com