Ajuruteua

Ajuruteua

segunda-feira, 9 de maio de 2011

MARIO VARGAS LLOSA - ESCRITOR PERUANO


"Um público comprometido com a leitura é crítico, rebelde, inquieto, pouco manipulável e não crê em lemas que alguns fazem passar por idéias."

"O esquartejamento da humanidade em blocos rigidamente diferenciados - como em ser negro, muçulmano, cristão, branco, budista, judeu etc - é perigoso porque estimula o fanatismo dos que se consideram superiores."

"No embrião de todos os romances, bule uma inconformidade, late um desejo."


"A literatura não é algo que nos faça felizes, mas ajuda-nos a defendermo-nos da infelicidade."

"Só um idiota pode ser totalmente feliz"

"O futebol é o ideal de uma sociedade perfeita; poucas regras claras, simples,que garantem a liberdade e a igualdade dentro de campo, com a garantia do espaço para a competência individual."


Sobre o escritor:
Jorge Mario Vargas Llosa (Arequipa, 28 de março de 1936) é um escritor, jornalista, ensaista e político peruano, laureado com o Nobel de Literatura de 2010.

Sua obra critica a hierarquia de castas sociais e raciais, vigente ainda hoje, segundo o escritor, no Peru e na América Latina. Seu principal tema é a luta pela liberdade individual na realidade opressiva do Peru. A princípio, assim como vários outros intelectuais de sua geração, Vargas Llosa sofreu a influência do existencialismo de Jean Paul Sartre.



Fontes:
Wikipédia
Google Images

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COPIE E LEVE COM VOCÊ O NOSSO BLOG E A COR DO AÇAÍ.

BannerFans.com

Recado

Paixaoeamor.com