Ajuruteua

Ajuruteua

quinta-feira, 25 de março de 2010

Azuir Filho, um paraense de coração


"Louvor ao Humano que Deus Pai criou copiando do Divino. Quando a coisa é ruim a gente diz que é desumano. Humano é o Bom, é Cópia do Divino que é o máximo. Temos de agradecer de joelhos, por Deus nos ter feito assim. Temos de caprichar e honrar porque passa rápido e quem bobear não vê."

Palavras de Azuir Filho, poeta que vive em Campinas-SP, mas que já viveu por estas bandas e nunca esquece o Pará principalmente Mosqueiro.
Mestre em homenagens é meu companheiro de Overmundo e aqui posto uma de suas poesias onde ele lembra o que nosso mundo mais necessita neste momento.



A VIDA É PROVA DE HUMANIDADE

A Vida tem o seu sentido, é profunda na sua razão.
É um momento querido, todo cheio de significação.
O mais renhido lutar, pra não se perder a dignidade.
Pra Amar e caprichar, a vida é prova de humanidade.

Passagem de simbolismo, o tempo todo de decisão.
Lição do Cristianismo, no tanto que tem pra perdão.
Vida agitada e nos testar, no negar a desumanidade.
Pra Amar e caprichar, a vida é prova de humanidade.

Pra mostrar ter boa vontade, e pelo próximo amor.
Honrando a Comunidade, e o trabalho do trabalhador.
Não se pode furo deixar, esta em jogo a eternidade.
Pra Amar e caprichar, a vida é prova de humanidade.

Mostra a alma da gente, mostra a cabeça e o coração.
Se é covarde ou um valente, se é bom amigo e irmão.
A Vida é pra partilhar, comungando em irmandade.
Pra Amar e caprichar, a vida é prova de humanidade.

É mostra do compromisso, se imundo ou é decente.
Não ser ignóbil e omisso, nem acovardado e ausente.
Ser capaz da cara mostrar, e ta fora de indignidade.
Pra Amar e caprichar, a vida é prova de humanidade.

Lutar em todos momentos, pra todo mal retroceder.
Ativo a todo tempo, pra vontade de Deus se fazer.
Cada irmão é pra perdoar, superando suas maldades.
Pra Amar e caprichar, a vida é prova de humanidade.

É jamais perder a atenção, e vigiar a todo o tempo.
Intensificar a comunhão, superar todo contratempo.
No Pensar, falar e obrar, e todas nossas atividades.
Pra Amar e caprichar, a vida é prova de humanidade.

Não pode perder o tino, não pode causar decepção.
Humano é cópia do Divino, humano é ser irmão.
Estão do alto a nos olhar, é só honrar a irmandade.
Pra Amar e caprichar, a vida é prova de humanidade.

Um comungar que comove, é viver santo ideário.
Cada um dá o que pode, e recebe todo o necessário.
Faz o mundo melhorar, e a vida ter sua finalidade.
Pra Amar e caprichar, a vida é prova de humanidade.

Não pode trocar pé por mão, nem a ordem natural.
O Humano que é a razão, e também o sublime ideal.
É com Deus o nosso honrar, e ser capaz da igualdade.
Pra Amar e caprichar, a vida é prova de humanidade.

A vida é uma luz que brilha, uma chama no coração.
É para viver em família. em irmandade e cooperação.
É a convicção do irmanar, é compaixão e identidade.
Pra Amar e caprichar, a vida é prova de humanidade.

Azuir Filho e Turmas: Do Social da Unicamp e, de Amigos, de: Rocha Miranda, Rio, RJ e, de Mosqueiro,

3 comentários:

  1. Azuir Disse:

    Nossa Homenagem a Camarada e Professora Poeta Saavedra, estandarte da esperança do arrebol. O sacrifício de Jesus e todos, não foi em vão.
    Mãe,Amiga, Companheira de Luta, Caminhante e Mestra querida como o Nazareno a transcender no Sentimento e a nos orgulhar e nos animar a irmos em frente com o ideal de uma Humanidade Irmã.

    SAAVEDRA MÚSICA CHIBÉ POESIA, O BLOG DA COR DO ASSAI.

    É um momento de Santidade. que vale a pena a vida.
    Nossa Alma em Liberdade, na Ação mais desprendida.
    Consciência e Cidadania, o próprio sentido de existir.
    Saavedra Música Chibé poesia, o Blog da cor do Assai.

    Mulher Poeta maravilhosa, que viva já é toda celestial.
    Mãe Guerreira Valorosa, nos aponta o sentido ideal.
    Vida é a Eucaristia, é comungar, partilhar e dividir.
    Saavedra Música Chibé poesia, o Blog da cor do Assai.

    Mulher coração Valente, irmã, amiga e Professora.
    Como bandeira vai na frente, sua marcha é redentora.
    Nossa Poetisa da Filosofia, No perdão todo Porvir.
    Saavedra Música Chibé poesia, o Blog da cor do Assai.

    É Montanha em Sermão, é Bom Jesus e Nossa Senhora.
    Nos descortina a imensidão, é quem sabe faz a hora.
    Ela é abençoada Ave Maria, e Pai Nosso pra insurgir.
    Saavedra Música Chibé poesia, o Blog da cor do Assai.

    É o Brasil e o Nosso Pará, é o Para é todo o Universal.
    É o Humano a se irmanar, buscando a essência Divinal.
    Alma de Deus com alegria, das dores do mundo sentir
    Saavedra Música Chibé poesia, o Blog da cor do Assai.

    Não faz a nada ignorar, e não deixa nada abandonado.
    Responsável em todo cuidar, não ter crime ou pecado.
    Vida Lição de sabedoria, a gente aprende no assistir.
    Saavedra Música Chibé poesia, o Blog da cor do Assai.

    Uma Alma Portentosa, Deus deu sentimento e bondade.
    Mãe Amiga tão Jubilosa, nossa Lição de Humanidade.
    Fé é viver Fidalguia, é ter luz e preparo pra servir.
    Saavedra Música Chibé poesia, o Blog da cor do Assai.

    Pra ela nossa homenagem, nosso estandarte de amor.
    É uma Lição de coragem, Mestra amiga qual Salvador.
    Vida vai e fica magia, de Castro Alves fica o Porvir.
    Saavedra Música Chibé poesia, o Blog da cor do Assai.

    Azuir e Turmas: do Social da Unicamp, Campinas, SP, Amigos de Rocha Miranda,
    Rio de Janeiro, RJ e de Amigos de Mosqueiro, Belém , PA.

    ResponderExcluir
  2. Que linda homenagem Mestre Azuir!.Seguindo seu blog.Abçs@

    ResponderExcluir
  3. Muito obrigada, Poetisa da Paz!
    Volte sempre!

    ResponderExcluir

COPIE E LEVE COM VOCÊ O NOSSO BLOG E A COR DO AÇAÍ.

BannerFans.com

Recado

Paixaoeamor.com