Ajuruteua

Ajuruteua

sexta-feira, 28 de maio de 2010

CONTEÚDO

CONTEÚDO

Poema que vibra a palavra

mesclando raios e sombra

tempestades, pérola e sonho

a nuvens, jardim e luar.

Agrega beijos, saudade e encanto

prazer, sexo e mente

a fadas, santos e gente

verde e esperança ao mar.

Suaviza guerras, pranto e morte.

Junta ilhas ao continente.

Mistura floresta floresta à sorte

do cinza que esfumaça a vida.

Na concha da minha loucura

reinam o verbo e a Melodia

cantam a Paz e a Poesia

bailam corpo, alma e mente.

LÍGIA SAAVEDRA


Na concha da minha loucura
reina o Verbo e a Melodia
cantam Paz e a Poesia
bailam corpo, alma e mente.

LÍGIA SAAVEDRA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COPIE E LEVE COM VOCÊ O NOSSO BLOG E A COR DO AÇAÍ.

BannerFans.com

Recado

Paixaoeamor.com