Ajuruteua

Ajuruteua

terça-feira, 26 de abril de 2011

GLÓRIA SALLES - POETA BRASILEIRA




Glória Salles por ela mesmo:

Nunca tinha caído assim tão fortemente a ficha
de que somos apenas pensionistas da vida,
apesar de desde menina ter descoberto
que todos nós estamos aqui
apenas de passagem!
Gosto da Marina Colasanti por isso:
suas verdades, mesmo sendo
tão óbvias e tão simples, nos dão alfinetadas.
Pelo menos é assim que funciona comigo.
Que saibamos então tornar grandes
os pequenos momentos
e transformar o nosso quarto
num castelo, em nosso santuário,
onde ele possa servir de proteção e de abrigo,
mas que jamais deixemos que o medo nos afaste
da janela e desse nosso contato
gostoso com o mundo e com as pessoas.
O externo também é muito importante,
mesmo que alguns neguem.
Não somos ilhas, mesmo nos dando
tão bem conosco
e com o nosso íntimo!
Não nos bastamos.
Não sempre.
Que tentemos conservar o nosso quarto
arrumadinho a todo instante,
assim não teremos
muito trabalho na hora de o devolvermos,
se possível ainda mais belo
do que como o recebemos:
agora ele fará parte de nós, e nós dele.
Haverá uma história morando ali,
ainda que nós não mais.



Fontes:
Glória Salles via Orkut
Site de Poesias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COPIE E LEVE COM VOCÊ O NOSSO BLOG E A COR DO AÇAÍ.

BannerFans.com

Recado

Paixaoeamor.com