Ajuruteua

Ajuruteua

terça-feira, 5 de outubro de 2010

ÓPERA PROFANO - O MUSICAL




Cine Ópera. Nossa Senhora. Travestis. Garoto de programa. Um jovem de classe média. Teatro musical. Tudo isso num só palco.

Da obra de Carlos Correia Santos: Ópera Profano (dramaturgia vencedora do Prêmio Cidade de Manaus).



Um musical de Gual Dídimo e Haroldo França. Estreia dia 14 de outubro. Teatro Cláudio Barradas.


Sobre o autor:
CARLOS CORREIA SANTOS é autor de “O Baile dos Versos” (poemas), “Poeticário” (poemas), “Nu Nery” (teatro), “Ópera Profano” (teatro) e “Batista” (teatro). Venceu na categoria dramaturgia o III Concurso Literatura para Todos, promovido pelo MEC. Foi triplamente premiado no Edital Estadual de Fomento às Artes Cênicas 2008, da Secretaria de Cultura do Estado do Pará (Prêmio Cláudio Barradas).



Ganhou o Prêmio IAP Categoria Dramaturgia (2008), o Prêmio IAP Categoria Teatro (2004), o Prêmio Funarte de Dramaturgia (2003, 2004 e 2005), o Prêmio Funarte Petrobras de Fomento ao Teatro (2005), o Prêmio Funarte Petrobras de Circulação Nacional (2006) e o Edital Seleção Brasil em Cena do Centro Cultural Banco do Brasil. Incluídos no Catálogo da Dramaturgia Brasileira de Maria Helena Kühner (iniciativa detentora do Prêmio Shell), seus textos teatrais já ganharam montagens de importantes artistas brasileiros, como Stella Miranda (a síndica do humorístico "Toma La, Dá Cá", de Miguel Falabella, exibido na TV Globo). No cinema, foi agraciado com o Prêmio do Edital Curta Criança do Ministério da Cultura. É autor do romance "Velas na Tapera", vencedor do Prêmio Dalcídio Jurandir 2008.

Fonte:
Carlos Correia Santos por e-mail
nadasantostudoalma.blogspot.com

Um comentário:

COPIE E LEVE COM VOCÊ O NOSSO BLOG E A COR DO AÇAÍ.

BannerFans.com

Recado

Paixaoeamor.com